Ver o Vídeo
Agenda

November

  • Não há eventos neste mês.


December

  • Não há eventos neste mês.

Esteja a par das novidades
do nosso Porto nas redes

Eleição do novo presidente da CCDR-N é “uma falácia” e “um espartilho à participação pública”

Os autarcas são desconsiderados, a composição do colégio eleitoral extremamente reduzida e os movimentos de cidadãos têm uma capacidade de intervenção muito limitada, senão manietada. Filipe Araújo, director do Porto, o Nosso Movimento, retira estas conclusões do processo de escolha do próximo presidente da CCDR-N (Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte), tema no centro do debate promovido pelo Porto Canal, num painel em que estiveram representados a Associação Cívica e quatro partidos políticos.

Ler Artigo Completo

Adira ao movimento

De norte a sul do país autarcas independentes contestam revisão da lei autárquica cozinhada pelo “centrão”

Uma semana após a promulgação do Presidente da República à revisão da lei autárquica, os ecos do descontentamento dos autarcas independentes eleitos chegam de todo o País. O Expresso ouviu-os e partilha nesta quinta-feira as reações àquilo que os grupos de cidadãos eleitores consideram “um ataque” perpetrado por PS e PSD. Em declarações ao semanário, os presidentes de Câmara de Vila Nova de Cerveira, Vila do Conde, Oeiras, Portalegre e Estremoz, e também o presidente da Câmara do Porto, manifestam-se contra o que consideram ser uma ditadura do “centrão”, que impede a ida a votos com a mesma sigla e símbolo da candidatura à presidência da Câmara e às assembleias de freguesia.

Ler Artigo Completo

O Porto é por aqui.

Batota, disse ele

O Professor Carlos Fiolhais, um dos mais reputados intelectuais portugueses, explica tudo na sua crónica no jornal “Público”. Reconhece que a lei teve um alvo, como nós então dissemos. Deixa, além disso, uma questão importante: a da óbvia inconstitucionalidade da lei.
Não basta que os dois partidos do centrão se entendam, ou que o Presidente promulgue. A Constituição da República não se suspende por esses consensos. A lei fundamental é a garante dos nossos direitos. Coisa que não podemos esquecer: precisamente no Porto, quando se comemora a NOSSA revolução de 1820.

Ler Artigo Completo

×

Eu Quero Receber a Agenda

×

Quer ser convidado para as acções deste movimento?
Faça parte do grupo de cidadãos independentes.

Preencha os seus dados em baixo

Eu Quero Ser Associado

×

Criado em Dezembro de 2017, a Associação Cívica – Porto, O Nosso Movimento, nasceu para debater a cidade, para promover a cidadania e dar continuidade e apoio às candidaturas independentes que levaram mudaram o panorama político do Porto. Seja ou não cidadão do Porto, pode candidatar-se a ser associado.

Faça Download da Ficha de Inscrição
e, depois de digitalizada, envie-a por email para

Ficha de Inscrição Estatutos

Eu Quero Doar

×

Quer participar financeiramente para esta associação?
Envie-nos os seus dados e entraremos em contacto consigo para lhe explicarmos como pode fazê-lo.

Preencha os seus dados em baixo

Eu Quero Falar

×

Dê a cara pelo seu Porto. Grave um vídeo com a sua opinião (pode ser com o seu telemóvel), carregue-o no Youtube ou Vimeo e envie-nos o link, depois de nos deixar os seus dados. Ao fazê-lo, autoriza a candidatura a usar partes ou o todo para publicação no site e redes sociais. Para falar com o Porto é por aqui.

Preencha os seus dados em baixo